Por: Agência Fato Relevante
08/01/2024 - 15:29:50

Tradicionalmente o ano novo é marcado por promessas, que implica se comprometer com boas práticas. O desejo de uma vida mais saudável faz parte dessas resoluções, com isso o início do ano se destaca como uma data importante para fazer exames de check-up, garantindo que a saúde esteja em dia.  
 
Segundo a FIDI - Fundação Instituto de Pesquisa e Estudo de Diagnóstico por Imagem, responsável por realizar quase 12% de todos os exames de imagem feitos pelo SUS anualmente, quando olhamos para o público 50+, as mulheres, se comparadas com os homens da mesma faixa etária, se submetem muito mais aos exames de imagem.  

Os dados são de exames realizados exclusivamente pela Fundação, responsável pela realização de aproximadamente 5 milhões de exames por ano, entre ressonância magnética, tomografia computadorizada, ultrassonografia, mamografia, raios-X e densitometria óssea. 

Do total de exames de imagem realizados ao longo de 2022, quando olhamos para o recorte de idade e gênero, as mulheres representam 65,9%. Segundo a FIDI, dentre as causas da representatividade desse público está o fator cultural. “As mulheres se cuidam mais do que os homens, com idas rotineiras a médicos especialistas como ginecologista. Além disso, campanhas de mamografia e densitometria nessa faixa etária, 40 / 50, começaram há anos, e foram muito bem-sucedidas.” explica doutor Harley de Nicola, médico radiologista intervencionista e Superintendente Médico da FIDI.  

Segundo pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Urologia, em julho de 2022, utilizando dados do Ministério da Saúde, até então tinham sido mais de 1,2 milhão de atendimentos femininos por ginecologistas e 200 mil atendimentos de homens por urologistas.   

Dos exames feitos no ano passado no público 50+ pela FIDI, os três mais realizados foram mamografia de rastreamento (+500 mil); TC do Crânio (+470 mil); e TC Tórax (+420 mil).  

Ainda segundo dados coletados pela Fundação, do total de pessoas atendidas, o público 50+ representou, em 2022, 55,6% dos exames feitos, se comparado com público com menor idade. 

Sobre a FIDI  

Fundada em 1985 por médicos professores integrantes do Departamento de Diagnóstico por Imagem da Escola Paulista de Medicina – atual Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) –, a FIDI é uma Fundação privada sem fins lucrativos que reinveste 100% de seus recursos em assistência médica à população brasileira, por meio do desenvolvimento de soluções de diagnóstico por imagem, realização de atividades de ensino, pesquisa e extensão médico-científica, ações sociais e filantrópicas. Com 2.065 colaboradores e um corpo técnico formado por mais de 400 médicos, a FIDI está presente em 78 unidades de saúde nos estados de São Paulo e Goiás, e na cidade de Manaus (AM), e é a maior prestadora de serviços de diagnóstico por imagem do SUS, realizando aproximadamente 5 milhões de exames por ano, entre ressonância magnética, tomografia computadorizada, ultrassonografia, mamografia, raios-X e densitometria óssea. Com soluções customizadas em diagnóstico por imagem, a FIDI oferece serviços de Command Center, Telerradiologia, Gestão Completa, Telecardiologia e Consultoria.  

 

A Fundação também trabalha na proposição de soluções inovadoras para a saúde pública, como o sistema de análise de imagens de tomografia computadorizada por inteligência artificial, e participou da primeira Parceria Público-Privada de diagnóstico por imagem na Bahia. Por duas vezes, a FIDI recebeu o prêmio Referências da Saúde 2019 e 2020, na categoria Qualidade Assistencial, e por três vezes foi medalhista em desafios internacionais de aplicação de inteligência artificial no diagnóstico por imagem, propostos na conferência anual da Sociedade Norte-Americana de Radiologia, considerado o maior congresso do setor no mundo. Ao final de 2020, a Central de Laudos da FIDI obteve a certificação ISO 9001:2015 de Gestão da Qualidade, pela International Organization for Standardization e, em 2021, recebeu o selo de “Excelente Empresa Para se Trabalhar” (GPTW).  

fidi | Facebook | Instagram  


Enquete

Itapebi: 2024 é ano de eleição municipal. Você votará para reeleger atual prefeito ou eleger outro (a) candidato (a)?




VOTAR PARCIAL