Por: Redação, com g1 BA e TV Santa Cruz
18/04/2024 - 08:34:12

Segue parcialmente interditada parte da BA-275 na cidade de Itapebi, extremo sul da Bahia. A pista cedeu em um lado do trecho na terça-feira (16) por causa das fortes chuvas que atingem a região. Até esta quarta-feira (17), o tráfego de veículos continua sendo feito em metade da pista.

De acordo com o prefeito de Itapebi, Juarez da Silva Oliveira, conhecido como Peba, o local é uma rodovia estadual e na quinta-feira (18) vai realizar uma obra emergencial até que a Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) realize a recuperação total.

No entanto, técnicos da Seinfra estiveram no local, fizeram inspeção e verificaram que o trecho em questão não pertence à malha rodoviária estadual sob a responsabilidade do órgão. Disse, ainda, que entrará em contato com a prefeitura de Itapebi e se comprometeu a dar o apoio necessário para a solução do problema.

Estragos na região

Deslizamento de encostas, hospital inundado, além de alagamentos em avenidas e casas de famílias ribeirinhas foram alguns dos prejuízos registrados em cidades do sul da Bahia por causa da forte chuva que atingiu a região na madrugada de terça-feira (16).

Em Itabuna, choveu cerca de 130 mm em menos de 12 horas, volume considerado elevado. A Avenida Cinquentenário, considerada a principal do município por abrigar muitos estabelecimentos comerciais, foi tomada pela água.

O Hospital São Lucas também foi atingido por alagamento. Pacientes em tratamentos oncológicos e renais precisaram ser transferidos para o Hospital Calixto Filho.

A prefeitura de Itabuna informou que a água da chuva foi retirada e que técnicos avaliam uma forma de evitar que a situação se repita.

Por meio de nota, a unidade de saúde informou que a equipe de manutenção da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna foi acionada para realizar o desentupimento, porém, os danos causados pelas chuvas comprometeram também a rede elétrica da unidade.

Disse também os profissionais realizam avaliações para garantir a segurança e a estabilidade das instalações hospitalares, e que a transferência dos pacientes ocorreu como medida preventiva e em prol da segurança, além de garantir a continuidade do atendimento médico de forma segura.

Chuva causa deslizamentos de terra em Ilhéus

Em Ilhéus, cidade vizinha a Itabuna, foram cerca de 100 mm de chuva em um dia. A região central foi a mais atingida e registrou alagamentos e deslizamentos de encostas. Três casas foram atingidas pela terra e duas precisaram ser interditadas pela Defesa Civil do município. Não há informações sobre feridos. [Vídeo acima]

Em Itajuípe, famílias ribeirinhas tiveram que retirar a água do rio Almada, que invadiu as casas em que elas moram. Não há registro de desalojados, mas os moradores ficaram preocupados, porque o nível do rio subiu consideravelmente.

Cidade no sul da Bahia decreta situação de emergência após temporal

Na cidade de Uruçuca, a prefeitura decretou situação de emergência após temporal que causou alagamentos em, ao menos, sete bairros. A gestão informou que o temporal diminuiu durante a manhã desta quarta e que faz o levantamento de quantas pessoas precisam deixar casas e serem abrigadas em escolas.

Segundo a Superintendência da Defesa Civil do Estado (Sudec), atualmente 49 municípios estão em situação de emergência por causa das chuvas. Somente neste mês, 25 foram acrescentados na lista. Veja abaixo:

Anagé

Angical

Apuarema

Baixa Grande

Barra

Boa Vista do Tupim

Cabaceiras do Paraguaçu

Caetité

Canavieiras

Cansanção

Cícero Dantas

Contendas do Sincorá

Cotegipe

Cravolândia

Dário Meira

Ibicuí

Iguaí

Ilhéus

Itaju do Colônia

Itamari

Itororó

Jequié

Lagoa Real

Lençóis

Maiquinique

Monte Santo

Muquém de São Francisco

Mutuípe

Nordestina

Nova Canaã

Paulo Afonso

Pedro Alexandre

Quijingue

Ruy Barbosa

Santa Brígida

Santa Luzia

Santaluz

São Miguel das Matas

Saubara

Tanhaçu

Ubaíra

Valença

Varzedo

Wanderley

Canudos

Jeremoabo

Juazeiro

São Domingos

Uruçuca

Foto: Arnaldo Alves/Itapebi Acontece


Enquete

Itapebi: 2024 é ano de eleição municipal. Você votará para reeleger atual prefeito ou eleger outro (a) candidato (a)?




VOTAR PARCIAL