Por: Assesoria de Comunicação
16/04/2018 - 13:04:19

Existem milhares de fatores que impulsionam as pessoas a praticarem algum tipo de atividade física ao longo da vida, seja por motivos de saúde ou por pura afinidade, e o fundamental disso tudo é saber da importância dessa prática para a vida. Segundo pesquisa realizada pelas universidades de Birmingham e King´s College London, no Reino Unido, pessoas com idade já avançada, que têm um histórico regular quanto à prática de exercícios físicos, conseguem manter a imunidade, massa muscular e níveis de colesterol semelhantes aos de indivíduos mais jovens. “É sempre importante reforçar os benefícios da prática regular de atividades físicas para as pessoas, principalmente para aquelas que já estão com idade avançada; já que ao contrário disso, a inatividade física vem como um fator de grande risco para o desenvolvimento de doenças crônicas, como diabetes e/ou hipertensão arterial”, afirma Igor Castro, Diretor Técnico da Rede Alpha Fitness.

O estudo ainda revelou que o sistema imunológico dos praticantes de exercícios parece não ter sido abalado com o avançar da idade. A constatação veio depois dos estudiosos analisarem a estrutura onde ocorre o amadurecimento das células que comandam nossas defesas, o timo. Após o cruzamento desses resultados, os cientistas perceberam que o timo do praticante de exercício estava tão funcional quanto o das pessoas mais jovens. Isso por que, a partir dos 20 anos de idade, acontece um encolhimento natural desse órgão, resultando em uma menor produção de linfócitos T, os conhecidos glóbulos brancos, responsáveis pela defesa do organismo. Os resultados produzidos pelos cientistas são aliados para desmistificar a ideia de que envelhecer é sinônimo de saúde frág­il.


Enquete

Você já fez algo para ajudar a rua em que mora?




VOTAR PARCIAL