Por: Correio
29/11/2018 - 09:57:53

No dia 12 desse mês, inclusive, a criança que faleceu teve um fêmur fraturado por conta de agressões da mãe

Uma mulher de 30 anos foi presa nesta quarta-feira (28) em Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia, por ter matado o próprio filho de 3 meses um dia antes. Segundo a Polícia Civil, que prendeu Graciane Almeida Silva em flagrante, ela disse que “desferiu um tapa no rosto do seu filho porque este estaria chorando demais”.

O bebê morreu por traumatismo craniano. Antes da confissão, a mãe tinha dito que o bebê tinha morrido após atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). A polícia informou que durante as investigações descobriu que Graciane apresentava comportamento agressivo com os filhos.

No dia 12 desse mês, inclusive, a criança que faleceu teve um fêmur fraturado por conta de agressões da mãe, segundo informou a polícia. A descoberta das agressões levou a polícia a desconfiar que Graciane tenha matado também um outro filho que é irmão gêmeo do que faleceu nesta terça-feira. 

O outro bebê faleceu 6 de novembro de parada cardiorrespiratória, mas devido ao caso do irmão a polícia pedirá a exumação do corpo para ver se ele sofreu violência.

 


Enquete

O governo Temer está chegando ao fim. Como você avalia?






VOTAR PARCIAL