Por: Rafaela Souza
16/08/2018 - 10:35:17

A escolha da decoração do quarto do bebê sempre é um momento esperado e prazeroso para a família. No entanto, com os projetos residenciais cada vez mais compactos a tarefa de decorar o quarto pode se tornar um desafio. Além de beleza, o ambiente também deve ser seguro e facilitar as tarefas do dia a dia da criança. Pensando nisso, o BN Mulher listou várias dicas acessíveis para a montagem do quarto do seu bebê. Confira!

Papel de parede

É uma ótima opção para dar vida ao ambiente de uma forma simples e prática. Quanto a paleta de cores, o mais indicado é investir em uma paleta mais clara e deixar as cores mais vibrantes para detalhes e acessórios do quarto. A estampa de listras é uma das queridinhas!

Nichos

Além de ajudar na organização do ambiente, os nichos podem compor a decoração do quarto deixando-o mais organizado. São várias opções de formatos, cores e materiais, podem ser redondos, quadrados ou geométricos, de vidro e madeira. Você pode decorar o fundo dos nichos usando tecidos, adesivos e os próprios brinquedos do bebê.

Quadros

Os quadros podem ser opções bem lúdicas e acessíveis para a decoração. Você pode investir em molduras coloridas com desenhos e fotos.

Acessórios

Com um pouco de criatividade é possível fazer acessórios bem legais para o quarto do bebê. Como o caso dos móbiles para berço, que podem ser feitos com feltro e vários tipos de tecidos. Você pode pode fazer inspirado em bichinhos, bonecas, personagens, entre outros.

Móveis 2 em 1

Apesar de serem mais caros, o objetivo dos móveis 2 em 1 é que, por eles durarem mais, a necessidade de substituí-los seja mais demorada. Ou seja, vale a pena investir em um berço que pode virar uma cama, por exemplo. Menos preocupação no futuro e você ainda acaba economizando.

Cortinas e tapete

Assim como o móbile, a cortina e o tapete deixam o ambiente mais charmoso e são super funcionais. Além de esquentar o quarto e protegê-lo da alta claridade.


Enquete

Em qual chapa candidata à presidência do Brasil você não votaria?









VOTAR PARCIAL